24 de outubro de 2010

Pescador de torpedos

O artefato pescado
Imagine-se no lugar de um pescador, você está em pleno sábado pescando e de repente você encontra um foguete de guerra boiando em um rio. Se você quer ser o primeiro a fazer isto,  pode esquecer pois um pescador da Zona Oeste do Rio já realizou este feito.

Logo após a captura do artefato o pescador que não teve o nome revelado foi correndo até o quartel de Bombeiros para entregar o foguete ao esquadrão antibombas da polícia civil.

O artefato começou a ser analisado pelo esquadrão anti-bombas da polícia civil, aparentemente este foguete foi projetado para ser utilizado em exercícios militares. Segundo o chefe do esquadrão antibombas João Waldemar o artefato deveria estar sendo utilizados em exercícios militar, mais o pior é que este foguete está dentro do prazo de validade o que significa que ele poderia explodir em qualquer momento.

Sua capacidade explosiva não foi divulgada, mas tudo indica que ele veio da área militar da Restinga também da Zona Oeste do Rio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário